Jillian Jensen fala sobre seu momento com Demi Lovato no "The X Factor"


A audição de Jillian Jensen no "X Factor USA" se tornou um dos momentos da televisão que todo mundo comenta no dia seguinte. Não porque os jurados disseram algo surpreendente ou ela mandou mal ou cantou feito um anjo de ouro do paraíso, mas porque foi um momento verdadeiro.

"Provavelmente já assisti isso umas 20 vezes e chorei em todas elas... é isso o que mantém firme," Jensen contou a MTV News sobre o momento dramalhão que, sim, quase fez o coração de pedra Simon Cowell derramar uma lágrima. "Normalmente, eu sou uma pessoa muito descontraída no palco, porque é onde eu me sinto mais confortável... Na verdade, é o único lugar onde me sinto confortável. Mas quando subi lá, minha família me disse que eles nunca tinham visto tão apavorada em toda a minha vida. Fiquei petrificada além das palavras."

Jensen, de 20 anos, disse que cresceu ouvindo a jurada novata Britney Spears, idolatrando L.A. Reid e Simon Cowell e considera Demi Lovato a maior inspiração de sua vida. "Ela faz o que eu amo fazer e tem o mesmo passado que eu," disse ela, referindo-se à sua mútua experiência como vítimas do bullying.

"Veja, nós duas estamos aqui. E os valentões que nos intimidaram estão em casa no vendo na TV", foi o que Lovato disse a Jillian antes dela se apresentar.

Lovato, também de 20 anos e que luta contra distúrbios alimentares e automutilação, falou sobre a sua experiência com o bullying no especial da MTV "Stay Strong" no início deste ano. Assim que Jensen começou a contar sua história de ter sido intimidada no período escolar, ficou nítido que Lovato sentiu-se ao lado de uma alma gêmea na sala.

"Me deixa muito, muito emocionada saber que nós compartilhamos isso e saber que ela é uma pessoa que me dá coragem para continuar, independente do que as pessoas dizem," diz Jensen.

Quando Jensen começou a cantar, bem, Lovato não conseguiu conter as lágrimas e era óbvio que Jillian tinha tocado uma parte de Demi que a lembrou do quão longe ela chegou.

A plateia do X Factor no estúdio enlouqueceu com a apresentação do hino de superação "Who You Are" da Jessie J. Ao fim da cantoria, Lovato caminhou até o palco e deu a Jensen um longo e carinhoso abraço. Até mesmo o Simon parecia estar à beira das lágrimas. "Está tudo bem. Eu sei exatamente o que você passou, mas eu superei isso e sei que você também irá," disse Demi tentando consolar a soluçante Jensen.

A nativa de Massachusetts – que começou a cantar quando tinha 2 anos, pegou seu primeiro instrumento aos 6, começou a escrever suas primeiras canções aos 8 e agora é fluente em piano, violão, saxofone, violino, bateria, baixo e cavaquinho – disse que escolheu a canção de Jessie J porque a letra fala de suas batalhas e o seu desejo de continuar lutando por seus objetivos. "O meu propósito era me conectar através de palavras e esperançosamente, inspirar o máximo de pessoas que eu pudesse. Eu sei que é estranho, mas eu não estava focada nos vocais, apenas na mensagem da canção," explicou ela.

Foi no palco do X Factor que Jensen compartilhou a sua história pela primeira vez de uma forma tão pública. Mas ela prometeu a si mesma que se conseguisse ingressar na TV, se dedicaria a falar pelas outras pessoas que já sofreram bullying. "Saber que, literalmente, eu sobrevivi a minha experiência, é o que me dá forças. Eu sabia que eu poderia sobreviver e me tornar uma voz para todas as crianças."

E aquela mensagem já fez uma diferença enorme. Jensen disse que ela recebeu um telefonema de um adolescente perturbado às 4 da manhã depois que o programa foi ao ar que disse que ele estava pensando em cometer suicídio e que mudou de ideia após ver sua audição. "Isso me levou absolutamente às lágrimas," disse Jensen que também já teve pensamentos suicidas. "Eu sabia que eu tocaria as pessoas e eu já recebi vários e-mails. Pensar que muitas pessoas estão passando pelo o que eu também estou, com certeza parte o meu coração. Eu realmente espero que eu consiga superar isso, mas com essa audição, me sinto tão realizada... independente do que acontecer, me sinto completa."

Jensen já conhecia o poder da TV por causa de um incidente que seguiu de uma aparição sua ano passado no programa "Live With Regis and Kelly," quando ela fazia parte de um grupo feminino. Logo depois, um rapaz tentou intimidá-la no Facebook. No começo, ela pensou que fosse uma brincadeira. Em seguida, ela ficou com raiva, mas no fim das contas, ela sentiu o senso de poder porque ela suspeitou que suas propostas eram a prova de que ele nunca quis dizer todas as coisas ruins que ele disse.

Ela já ganhou parabéns de Cody Simpson no Twitter, com quem ela se apresentou duas vezes em Massachusetts ano passado, mas que é um pouco jovem demais para o seu gosto. Mas o ponto alto para ela foi romper a armadura de Simon Cowell e quase fazê-lo chorar – e ter recebido o abraço da Demi.

"Ela realmente me agarrou, e isso me deixou em êxtase completo," disse Jensen que assim como Demi, também tem uma tatuagem que diz "Stay Strong". "Saber que aquela pessoa na qual eu me mais me inspiro por causa da minha experiência me olha e me entende, é incrível."

Nenhum comentário:

Postar um comentário